%
 
 

ISTO OU AQUILO?

Dobroslav Foll

13.00 11.69

É uma cegonha? É uma tesoura? É isto ou aquilo, conforme o nosso olhar quiser. 47 anos depois da sua edição original, na Checoslováquia, com o título Co se cemu podobá?, eis que nos chega mais um livro intemporal.

QTD

SOBRE

É uma cegonha? É uma tesoura? É isto ou aquilo, conforme o nosso olhar quiser. 47 anos depois da sua edição original, na Checoslováquia, com o título Co se cemu podobá?, eis que nos chega mais um livro intemporal. Sobrepondo um acetato raiado sobre a ilustração, e deslocando-o para a esquerda ou para direita, descobrem-se duas imagens diferentes na mesma página: uma cegonha que se transforma numa tesoura, uma borboleta em livro, um serrote em crocodilo, etc. e vice-versa. Esta técnica, bastante usada nos países de Leste entre os anos 60 e 80, foi criada pelo artista checo Jirí Kolár e é apelidada de Rollage, podendo ser apreciada em algumas das obras deste artista. Isto ou aquilo? revela-se assim como um óptimo exemplo de contaminação entre experimentação artística e design editorial. Bruaá

ACTIVIDADES

 

Detalhes

Autores

Dobroslav Foll

Formato

235x115mm

Páginas

16

ISBN

978-989-8166-10-4

AUTORES

Pintor, designer gráfico, caricaturista e ilustrador, Dobroslav Foll nasceu a 15 de Junho de 1922 em Praga e vem a falecer na mesma cidade a 18 de Janeiro de 1981. Foll inicia os seus estudos na Escola de Artes Decorativas de Praga, continuando mais tarde na Academia de Belas-Artes. Torna-se director artístico de várias editoras, ilustra inúmeros livros, faz caricaturas e trabalha como designer gráfico. Artista independente desde 1955, inicia uma intensa actividade de criação em diversos domínios: livros infantis, cartazes para filmes, pinturas, etc. Torna-se um dos membros fundadores de um dos grupos artísticos mais marcantes nascidos naquele país: o grupo Radar. De um espírito curioso, original e inventivo, Dobroslav Foll dá-nos com Isto ou Aquilo? um bom exemplo da sua fantasia e humor.

CRÍTICA

Será que é isto ou aquilo? É isto e aquilo. Divirta-se com este belo livro! Faça deslizar o acetato sobre as enigmáticas imagens sobrepostas e deixe a magiar acontecer. Uma cegonha que se transforma em tesoura, uma serra num belo crocodilo verde. Um avião transforma-se em andorinha, a lua toma a forma de… um croissant. E vice-versa! Associações de formas e ideias despoletadas por 16 ilustrações que recuperam o princípio das imagens lenticulares (duas imagens entrelaçadas), onde o leitor se pode deixar levar numa viagem poética. Anne-Shophie Baumann

A poética pode ser lírica, irónica, desconstrutiva, fantasista… porque ultrapassa o simples acontecimento visual. Na surpresa e nessa liberdade reside a qualidade deste livro. Andreia Brites, Revista Os Meus Livros

Parece que é mas não é. Quer dizer, é. Mas são duas coisas. Logo pela capa se percebe (se olhar com atenção) que a imagem tanto pode ser uma cegonha, como uma tesoura. É ou não é? Rita Pimenta, Público

Categorias: ,

O QUE É ISTO? OU FOGUETE OU UM PEIXE?